Aquecimento no setor turístico gera mais contratações para Guia de Viagem

O setor de turismo está aquecido uma vez que os brasileiros estão viajando mais para cidades em seu próprio país. Outros incentivos como descontos para a melhor idade e a mudança de mentalidade sobre a importância de se viajar, tem feito com que o setor passe por uma boa fase.

Aquecimento no setor turístico gera mais contratações para Guia de Viagem

Todos esses itens contribuíram para a profissionalização da mão-de-obra ligada ao setor de turismo. Houve aumento no número de hotéis, pousadas e resorts em todo o país, melhorias no setor de transportes, expansão da área de alimentos e bebidas e – em muitos casos- mais demanda por guias de turismo.

Isso se deve, na maior parte das vezes, pela profissionalização do setor e o surgimento das chamadas “agências de turismo receptivo”, especializadas em receber os turistas e ajuda-los a desvendar todos os pontos de determinada cidade. Entre os profissionais necessários para esse setor, estão os guias – que a cada ano ganham mais importância e destaque no mercado.

O que faz um guia de viagem?

O guia de turismo é o profissional responsável por acompanhar e orientar grupos de turistas em visitas a pontos naturais, históricos e culturais de determinada região, instruindo sobre as características do local, a história, a geografia, a economia e outras questões que possam ser de interesse dos visitantes.

Esse é um profissional extremamente importante, que conta com o poder de transformar a experiência dos turistas. É através do trabalho do guia de turismo que os visitantes podem compreender melhor toda a história e a complexidade dos pontos que visitam e transformar aquela viagem em algo único.

Quais as características pessoais de um bom guia de viagem?

Para se destacar na profissão é fundamental conhecer muito bem o local em que irá atuar, além de possuir qualificação técnica como primeiros socorros, procedimentos em aeroportos, como lidar com diferentes grupos de turistas, entre outros.

Algumas características pessoais também podem lhe ajudar a se destacar, como: boa comunicação, gostar de lidar com pessoas, ser pró ativo, ter dinamismo, ser bem humorado, saber lidar com questões complicadas que podem acontecer no dia a dia da profissão, ter raciocínio rápido, ser responsável, ser criativo, saber contar histórias e envolver o público, ser carismático, ter ótima educação, ser envolvente, entre outros.

Como é o mercado de trabalho para guia de viagem?

O setor turístico, em geral, tem estado aquecido em todo o país. Isso aconteceu, principalmente, devido à evolução profissional que acometeu a área, com a exigência por uma mão de obra mais qualificada e a formação de gestores turísticos.

Todos esses itens contribuíram para que o país ganhasse projeção internacional, sendo sede de eventos esportivos importantes, e também recebendo uma demanda maior de turistas brasileiros, que passaram a se interessar em descobrir as belezas naturais, históricas e culturais do seu próprio país.

Os resultados de toda essa profissionalização e aumento de incentivos ao setor foram inúmeros, como: expansão da cadeia hoteleira (e aumento da participação de novas redes), surgimento de novos ‘pontos’ e ‘cidades’ turísticas, aumento da profissionalização no setor de alimentos e bebidas, fomento do comércio nas cidades turísticas e abertura de novos postos de trabalho ligados ao setor.

A expansão e a constante capacitação da área, também levaram ao aumento das agências de turismo receptivo, que são especializadas em receber os turistas, programar e oferecer passeios exclusivos e também em prestar serviços com guias de turismo.

Aliás, essa é uma das profissões mais buscadas atualmente no setor turístico, com aumento constante dos postos de trabalho. Porém, embora mais vagas sejam abertas, cada vez mais as empresas têm encontrado dificuldades em contratar mão de obra qualificada e com experiência.

Como o mercado é concorrido, a capacitação se torna extremamente importante para esses profissionais, além de conhecimentos específicos sobre os pontos turísticos, a história do local, questões culturais e econômicas e outras noções que estão relacionadas as tarefas diárias como falar outras línguas, saber se portar de forma correta, ter boa comunicação, entre outros.

Por isso, para se destacar, é importante se qualificar, com cursos de capacitação na área e também com conhecimentos em outros setores que podem agregar valor ao seu currículo.

Aprenda mais sobre esta profissão, clique aqui e faça um Curso Profissionalizante Online de Guia de Viagem.

Como funcionam os cursos de guia de viagem?

Como dissemos, a profissionalização do setor de turismo é uma crescente no país. Justamente pelo aumento da demanda, novos cursos são abertos constantemente, com opções de capacitação técnica e profissionalizante, presenciais e à distância. Porém, antes de escolher pelo seu curso de guia de turismo, verifique se a instituição que está oferecendo as aulas é reconhecida pelo mercado, se os professores possuem atuação no ramo e se existe certificação ao término.

Na maioria dos cursos, você irá aprender sobre os papéis do guia de turismo e suas atribuições, a etiqueta social deste profissional, as modalidades de guia de turismo, as técnicas mais adequadas de comunicação, o mercado de trabalho, noções de primeiros socorros, entre outros.

Quanto ganha um guia de viagem?

Os salários podem variar de região para região e também de acordo com a sua qualificação e atuação. A média nacional para guias em início de carreira está entre R$ 1500,00 a R$2000,00.

Você gostou? ⤵ A sua opinião é muito importante!
Total: 1 votos - Média: 5 estrelas

Não vá embora sem deixar um comentário!