Saiba tudo sobre a profissão de florista

As flores fazem parte dos nossos rituais sociais há muito tempo e continuam a desempenhar um papel importante. Seja em um seminário, casamento, palestra, formatura ou em um aniversário, elas sempre estão presentes trazendo graciosidade e beleza a decoração.

Saiba tudo sobre a profissão de florista

Não importa se a intenção é decorar residências, empresas, eventos ou celebrações, para todos esses casos você irá precisar de belos arranjos florais que são a especialidade do florista. É ele quem consegue trazer o impacto desejado com o arranjo de espécies variadas, misturando cores e texturas, através de muita capacitação e criatividade.

Se você gosta de flores e de harmonizar ambientes com elas, que tal começar a desvendar um pouco mais sobre a profissão de florista?

O que faz um florista?

O florista é o responsável por realizar diversos tipos de arranjos florais que podem ser usados para a venda ou para decorar eventos e celebrações. Os arranjos podem ser feitos em vasos ou cestas e variam de acordo com a criatividade do profissional e também o desejo do cliente. A profissão também é conhecida como designer floral ou artista floral.

São responsabilidades do florista elaborar os arranjos florais, ajudar os clientes a escolher as flores de acordo com a ocasião e encontrar a melhor solução de arranjo para cada tipo de cliente e de evento, levando em consideração as flores da época, o local e os seus conhecimentos técnicos.

Qual o perfil profissional de um florista?

Antes de mais nada é preciso gostar de flores e ter certa familiaridade com elas. Também é preciso ter habilidade manual, criatividade, capricho, ser detalhista, saber se comunicar bem, ter empatia, ser atencioso, saber compor peças e harmonizar ambientes, gostar de decoração, ter bom gosto e refinamento, ter praticidade, apresentar bom senso estético, ser cortes e saber lidar bem com prazos.

Claro que os conhecimentos técnicos são imprescindíveis para que você se destaque na profissão. Para isso, você deverá conhecer vários tipos de plantas, saber harmonizar os variados tipos de flores e cores, conhecer arranjos e materiais utilizados, as formas de conservar as flores e os estilos de arranjos para cada ocasião.

Como é o mercado de trabalho?

As opções de atuação para o florista são muito variadas, sendo que você poderá trabalhar como autônomo, funcionário ou proprietário de uma floricultura ou ainda como freelancer, oferecendo seus serviços para decoradores e empresas de cerimoniais.

Porém, é preciso ficar atento, pois o mercado é concorrido e exige por bons profissionais. Para se destacar, apresente criatividade, qualidade e conhecimento técnico. Lembre-se que o setor busca por um profissional completo e constantemente atualizado, capaz de acompanhar as tendências e de dominar todas as técnicas que envolvem o seu trabalho.

Por isso, é muito importante realizar cursos de qualificação e atualização, que irão lhe permitir conhecer mais sobre os tipos de flores e técnicas ideais para determinados tipos de arranjos, o que lhe dará mais profissionalização na hora de conseguir os clientes.

Mas, só isso não basta. Para conquistar a clientela, seja atencioso e mantenha sempre a atenção sobre a qualidade do serviço que está prestando. Lembre-se que cliente satisfeito é a melhor propaganda para qualquer negócio.

Como funcionam os cursos de florista?

Os cursos profissionalizantes e de qualificação são fundamentais para quem pretende iniciar-se no mercado e também para aqueles que já atuam como floristas, porque possibilitam que o estudante conheça diversas técnicas e também receba dicas interessantes que ajudam no dia a dia da profissão.

Para quem busca atuar como profissional ligado a floriculturas, os cursos são essenciais porque garantem certificado – que é muito exigido pelos contratantes. Se você está pensando em atuar como autônomo ou freelancer, não deixe de se especializar também, pois muitos cursos contam com módulos sobre empreendedorismo, noções de administração e marketing- conhecimentos fundamentais para que seus negócios prosperem.

Na maior parte dos cursos, você irá aprender sobre os materiais e equipamentos necessários para a profissão, as formas de aquisição, preparo e conservação das flores, o preparo da espuma floral, os estilos de arranjos, a decoração do salão, a comercialização e a ficha das plantas.

Aprenda mais sobre esta profissão, clique aqui e faça um Curso Profissionalizante Online de Florista.

Quanto ganha um florista?

Os salários são bem variados e dependem se você irá atuar junto a uma floricultura ou como autônomo. De acordo com o guia de profissões e salários da Catho, a renda média é de R$1100,00. Mas, é possível encontrar vagas de emprego com salários bem mais atrativos, que podem chegar a até R$5000,00.

Vale a pena investir na profissão?

Se você gosta de trabalhar com flores e tem criatividade e habilidades manuais, esse pode ser um setor muito interessante, pois sempre existem vagas e opções de atuação. Os casamentos e eventos em geral são as principais atuações de um florista, mas você não precisa se fixar somente a elas, já que com criatividade é sempre possível encontrar novos clientes e ramos.

Porém, é preciso ter disposição, pois a profissão é bem exigente, além de flexibilidade de horários, já que, muitas vezes, você terá que ajudar na montagem da decoração dos eventos e isso nem sempre ocorrerá em horário comercial.

Você gostou? ⤵ A sua opinião é muito importante!
Total: 0 votos - Média: 0 estrelas

Não vá embora sem deixar um comentário!