Cabeleireira: uma profissão que se renova a cada ano

Que nós somos um povo vaidoso, não é novidade. Mas, você sabia que o setor de beleza e cosméticos é um dos que mais cresce no país? E, com isso, as profissões ligadas ao ramo se mantêm em alta, mesmo no período de recessão que o Brasil enfrenta.

Cabeleireira_ uma profissão que se renova a cada ano

Uma profissão que se destaca é a de cabeleireira. Com técnicas e tendências cada vez mais modernas, é exigido que a profissional se mantenha atualizado e com qualificação constante. Porém, apesar disso, quem investe na área garante que é possível alcançar altos salários e até estabilidade na carreira.

O que faz uma cabeleireira?

Muito mais do que só cortar o cabelo, hoje, a profissional cabeleireira é exigida para vários procedimentos como tintura, relaxamento, alisamento, tratamentos reconstrutores, modelagem temporária dos fios, penteados, químicas permanentes, apliques e extensões e muitos outros.

A cabeleireira deve ser uma profissional completa, capaz de analisar os cabelos dos clientes e saber, exatamente, qual técnica usar. Por isso o conhecimento técnico é indispensável.

Qual o perfil profissional de uma boa cabeleireira?

O indispensável é, claro, gostar de cabelos e de cuidados com a estética. Porém, para se destacar, é preciso compreender sobre os diferentes tipos de cabelo, as técnicas de tratamento e corte, o procedimento ideal para cada tipo de química e estar sempre atualizada nas tendências que surgem no mundo da moda e da televisão, já que elas costumam pautar as vontades das clientes.

Outras características também são fundamentais como gentileza, cortesia, boa educação, boa comunicação, criatividade, proatividade, dinamismo, marketing pessoal, empreendedorismo, zelo pelos equipamentos de trabalho, boa higiene, organização, ser prestativa, saber ouvir, ter paciência, gostar de estar em contato com pessoas e saber prestar um bom atendimento.

Como é o mercado de trabalho?

Embora o setor tenha sempre vagas, é uma área bem concorrida e por isso é preciso estar preparada, gostar do serviço e se qualificar constantemente. A parte boa é que, se você desempenhar um bom trabalho, terá uma clientela fixa que irá atrás de você onde estiver trabalhando.

Você poderá começar atuando em salões de outros profissionais e, com o tempo e experiência, poderá montar o seu próprio salão de beleza. Atuar como autônoma é uma das possibilidades mais lucrativas da profissão, já que você poderá se unir com outras profissionais como esteticistas, manicure, massagistas, entre outras e oferecer serviços e pacotes completos para a suas clientes, aumentando os seus lucros.

Para se destacar na área, é importante que você conheça muito bem o funcionamento do mercado, conhecendo bem os melhores revendedores, trabalhando com produtos de qualidade e sabendo atender bem a sua clientela. Por isso, sempre conheça o seu público-alvo e se adiante as tendências e necessidades dele, para poder prestar um serviço de excelência.

Além disso, é primordial que você domine as técnicas de corte e de química, conheça as partes do cabelo e suas funções e também as características e tipos de cabelo, para que possa utilizar produtos e propor soluções de tratamento adequados a cada cliente, atendendo-os com eficácia e mantendo-os fiéis.

Como é o curso de cabeleireira?

Se você pretende iniciar na área é fundamental que faça um curso básico de qualificação. Com ele, você irá aprender as técnicas e formas de manutenção do corte, as maneiras de consertar um corte mal executado, como alisar e relaxar cabelos, como realizar tinturas e outros procedimentos químicos, como fazer penteados e também como usar corretamente as ferramentas do seu dia a dia.

Para quem já atua no setor, é muito importante manter-se atualizado, com cursos de qualificação já que, a cada ano, surgem novas técnicas e tendências no que diz respeito aos cabelos, inclusive com tratamentos que podem ser realizados no próprio salão de beleza para dar mais volume ou deixar os cabelos das clientes mais nutridos e bonitos, por exemplo.

Hoje existem diversos cursos de cabeleireiro, inclusive à distância. Porém, antes de escolher o seu, tenha certeza de que a instituição é conhecida e de que a mesma fornece certificados após a conclusão do curso. Opte, também, por aquelas que possuem professores com atuação no setor, assim você terá certeza de que estará aprendendo técnicas modernas e exigidas pelo mercado.

Aprenda mais sobre esta profissão, clique aqui e faça um Curso Profissionalizante Online de Cabeleireira.

Qual o salário de uma cabeleireira?

Os salários para cabeleireira podem variar muito de acordo com o estado e cidade de atuação, o tipo de salão de beleza, os produtos utilizados e os serviços oferecidos. O salário médio nacional é de R$1500,00, atuando em salões de outros cabeleireiros. Se você tiver o seu próprio salão de beleza poderá receber salários maiores.

Como me tornar uma cabeleireira profissional?

O primeiro passo é ter certeza de que essa é uma área que lhe atrai, pois irá demandar muitas horas de estudo e dedicação. Depois, realize um curso profissionalizante e comece a trabalhar em salões de outros profissionais para ganhar experiência e ser conhecida pelas clientes. Com o tempo, você poderá abrir o seu próprio negócio.

Você gostou? ⤵ A sua opinião é muito importante!
Total: 1 votos - Média: 5 estrelas

Não vá embora sem deixar um comentário!