Profissão de bartender é febre no mercado

Bartender, barman ou barwoman são sinônimos para uma profissão que está em franca ascensão no mercado. Com o aumento das casas noturnas, bares e empresas de festas que dispõem de bebidas diferenciadas, além da maior qualificação do setor de turismo, os bartenders têm sido cada vez mais requisitados – e bem pagos.

Profissão de bartender é febre no mercado

Profissionais capacitados e criativos têm sempre espaço no mercado de trabalho, é o que garante os especialistas, já que, nem sempre, o barman será apenas responsável por executar as receitas – muitas vezes ele terá de cria-las e também gerenciar todo o funcionamento do bar.

Mas, afinal, o que é um bartender ou barman?

Ser um bartender ou um barman vai muito além do que apenas estar atrás de um balcão fazendo drinques e coquetéis. É preciso ter organização e saber lidar diariamente com o estoque de bebida e frutas, manter os vidros, coqueteleiras e copos sempre limpos, conseguir atender a todas as pessoas do bar -sem gerar muita espera-, lidar com as queixas dos clientes e ter criatividade para pensar em receitas originais e saborosas.

Os barmans ou bartenders são responsáveis por atender os pedidos dos clientes de restaurantes, bares e lanchonetes ou de servir os convidados de festas, eventos e congressos. Por isso, é preciso ter muito mais do que apenas habilidade em realizar drinques e equilibrar garrafas, é necessário saber interagir com os clientes e saber atender.

Qual o perfil profissional para se tornar um barman?

Como você pode notar, algumas características pessoais ajudam na hora de garantir uma boa vaga no mercado de trabalho. É preciso ser organizado, comunicativo, prestativo, dinâmico, ter atenção aos detalhes, boa disposição física e boa memória, capacidade de lidar com o público e de improvisação e saber atender bem os clientes, com educação, clareza e prestatividade. Além disso, é essencial conhecer as bebidas e os instrumentos básicos de trabalho e ter muita responsabilidade.

Precisa ter formação específica?

A legislação brasileira não exige formação, nem mesmo o ensino fundamental completo, para atuar como barman, bartender ou barwoman, porém, a maioria das empresas pedem algum tipo de certificação, como cursos livres ou profissionalizantes, que garantem uma base mínima de aprendizado.

Também somam pontos na hora de conquistar uma vaga: ter conhecimento em outras línguas, um bom currículo, boas recomendações, experiência (seja como barman, seja atendendo o público em geral) e algum conhecimento prévio sobre bebidas e drinques.

Como é o mercado de trabalho?

O setor está bastante aquecido graças ao aumento da área de turismo, uma das principais contratantes atualmente. Muitas cidades ampliaram o número de bares, restaurantes e lanchonetes nos últimos anos e melhoraram o seu serviço, com um bar diferenciado, por exemplo. Além desses locais, você também poderá trabalhar em empresas de buffet e de bartenders, que prestam serviços para festas e eventos. Porém, os melhores salários são pagos pelas boates e casas fechadas.

Qual é a faixa salarial?

O salário de um barman irá depender de muitas questões, como o horário de trabalho, a empresa contratante e o cargo ocupado (barman ou auxiliar de barman). A média salarial verificada tem sido entre R$ 1200,00 a R$ 4000,00 (já com as gorjetas e 10%). Claro que profissionais mais bem preparados, com cursos de qualificação e experiência podem alcançar salários maiores ou mesmo empreenderem abrindo seu negócio próprio e gerenciando uma equipe de barmans.

Onde eu posso trabalhar?

Como dissemos, as opções mais tradicionais envolvem empresas privadas de alimentação como bares, restaurantes e lanchonetes. Além disso, você poderá trabalhar em cruzeiros, hotéis, empresas de eventos, buffets, empresas especializadas em serviços de bares ou como autônomo em festas particulares e prestando seus serviços a casas noturnas e boates. Nesses casos, geralmente, são exigidos que os bartenders sejam capazes de promover algum ‘entretenimento’, como malabarismos nos preparos dos drinques e pequenas apresentações.

Aprenda mais sobre esta profissão, clique aqui e faça um Curso Profissionalizante Online de Barman!

Vale a pena investir na profissão?

Antes de sair por aí trabalhando como barman é preciso que você leve alguns pontos em consideração. Primeiro, é necessário estar disposto a não ter horário fixo de trabalho (muitas equipes trabalham à noite, em festas e aos finais de semana e feriados), além disso a remuneração pode ser variável, já que dependem de gorjetas e dos 10% de comissão. Mas, apesar disso, a profissão é recompensadora, você irá conhecer muitas pessoas diferentes, poderá criar receitas únicas e conseguir um bom salário.

Se você está pensando em se tornar um bartender, barman ou barwoman é imprescindível fazer um curso profissionalizante, para poder conseguir as melhores vagas, já que o mercado é competitivo. Nesse caso, que tal fazer um curso online e se qualificar sem sair de casa? Comece hoje mesmo e conquiste aquela vaga que você tanto almeja!

Você gostou? ⤵ A sua opinião é muito importante!
Total: 1 votos - Média: 5 estrelas

Não vá embora sem deixar um comentário!